35 anos_site

Menu
RSS

MT-325: Tragédia tira vida de servidor público de AF Destaque

MT-325: Tragédia tira vida de servidor público de AF Foto: Reprodução

 

Dil capotou a caminhonete F-250 quando retornava na região da Pista do Cabeça

 

Por Arão Leite
Alta Floresta/MT – Adilson Araújo, de 44 anos, morreu no Domingo das Mães (13 de maio) na Rodovia MT-325, município de Alta Floresta. De acordo com o Corpo de Bombeiros, eram 15:38 horas quando um chamado na 7ª Companhia informava de um capotamento a poucos quilômetros da Pista do Cabeça, zona rural de Alta Floresta, deixava uma pessoa morta e presa entre as ferragens de uma caminhonete F-250 de cor azul. O motorista que estava sozinho era o servidor público Adilson, prestador de serviço na Delegacia Regional de Polícia Civil, onde era mais conhecido como Dil.
Sargento Luiz Fábio, do Corpo de Bombeiros, informou que sua guarnição esteve no local, não para tentar salvar a vítima, que já estava em óbito, mas para retirada do corpo de dentro do veículo. “A informação que tínhamos era de que iria precisar usar o desencarcerador para resgatar o motorista, mas ao chegarmos lá vimos que não se fazia necessário cortar o carro. Porém, infelizmente o servidor que era muito conhecido estava sem vida. Acreditamos que no capotamento a cabeça foi atingida violentamente”, comentou o militar socorrista.
Dil é servidor da prefeitura de Alta Floresta cedido à Delegacia Regional de Polícia Civil. Nos momentos de folga ele aproveitava para atuar como pedreiro. Informações de amigos que ele estava fazendo uma casa na região da Pista do Cabeça e no final de semana aproveitou para levar material à obra. “Eu ia junto com ele, mas depois, quando liguei, ele disse que não precisaria mais, pois iria voltar logo, mas acabou acontecendo essa tragédia com meu grande amigo de pescaria”, contou Juares Firmino.
Polícia Militar, Polícia Civil e Polícia Técnica foram acionados para atender a ocorrência. A Politec coletou material para apurar o que causou o capotamento. Um amigo da vítima, que viu o cenário da tragédia acredita que houve uma falha mecânica. “Acho que ele não estava correndo. Olhamos a caminhonete também e observamos que o volante está rodando solto, que quebrou a barra de direção e pode ter facilitado o acidente”, analisa Paulo Sérgio Medeiros.

voltar ao topo
  • faleconosco
    (66) 3521-3830
  • O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
  • Rua Ivandelina Rosa Nazário, s/n, Setor Industrial, Alta Floresta/MT - 78580-000.
Jcidade.com.br© 2007-2013. Todos os direitos reservados. dablio